Qual a diferença entre Internato e Residência na Medicina?
internato_vs_residencia_interna

02/04/2019 - O Internato acontece durante o curso de medicina e a Residência é uma pós-graduação para médicos já formados. Conheça o salário e como funciona cada um.

 

É normal quem está entrando no curso de Medicina ter dúvidas sobre o que é o internato e Residência médica. Eles são práticas diferentes e é importante esclarecer isso. Fizemos uma tabela para você entender o que difere uma prática de outra. Veja abaixo:

 

 

 

INTERNATO

O internato em Medicina acontece nos dois últimos anos do curso. Os estudantes são divididos em pequenos grupos e rodam pelas principais especialidades médicas, ficando semanas ou meses em cada uma. No internato, o aluno aprimora tudo que conheceu no curso, com muita prática e auxílio de profissionais. É a parte do curso mais voltada para atividades práticas, tendo pouca teoria. 

O internato acontece em hospitais, UBSs ou ambulatórios que sejam da própria faculdade ou conveniados. Durante esse período, os internos são supervisionados por um Médico responsável e por um Residente. Eles não realizam nenhum procedimento sem a supervisão de alguém experiente. 

Essa fase possui uma carga horária muito grande, com plantões inclusive nos fins de semana. É a parte do curso que mais exige do aluno. Existem faculdades até que possuem um internato rural, levando os estudantes para ficarem durante meses em zonas rurais próximas ao campus. 

 

RESIDÊNCIA MÉDICA

A residência é uma espécie de pós-graduação em Medicina. O recém-formado se prepara para fazer uma prova teórica com cerca de 100 questões sobre o curso de medicina. Ela vai dar habilitação para se especializar em alguma área médica de determinado hospital, sempre de escolha do candidato. A Residência é um tipo de especialização equivalente a uma pós-graduação, mas são dois caminhos bem distintos -se quiser a gente te explica melhor essas diferenças e semelhanças.  O período de residência varia de acordo com cada especialidade. E se precisar de ajuda para escolher, pode conferir nosso Guia do R1 para tirar essas dúvidas!

Ao avançar, ele faz uma prova prática no hospital que se candidatou. As disputas pelas vagas são grandes, o que torna a entrada mais difícil dependendo do hospital e da especialidade. O que faz muita diferença nesse momento é o currículo do aluno: quanto mais atividades extracurriculares tiver feito, mais Ligas Acadêmicas tiver participado, intercâmbios, etc, maiores são as chances de conseguir a residência dos sonhos.

Quando chegar a hora, você poderá contar com a ajuda do MEDGRUPO para se preparar para a prova.

 

O SEU FUTURO TE ESPERA!

Se ainda não sabe como escolher onde fazer Medicina, aproveita confere nossa websérie para conhecer melhor as faculdades!

Mas e aí, entendeu as diferenças entre internato e residência? Deixe suas dúvidas nos comentários e compartilhe a matéria!

 

comaprtilhar 1 0 0 3244
CONTEÚDO EXCLUSIVO GRATUITO